As vezes você se faz essa pergunta. Para não ser pego de surpresa, veja o que esperar do lugar para onde você está indo.

Cataratas do Iguaçu – lado brasileiro

Ahhhh, as Cataratas!! Sem dúvida um dos lugares mais bonitos que já visitamos.

As Cataratas são divididas em duas partes, o lado brasileiro, que fica dentro do Parque Nacional do Igaçu, e o lado argentino. Cada lado com sua particularidade, por isso é tão importante conhecer os dois.

Visitamos primeiro o lado brasileiro, que é menor.
O parque não fica muito próximo ao centro da cidade, mas tem um onibus que sai do terminal rodoviário que te deixa na porta.

Pagamos R424,30 por pessoa para entrar no Parque. Logo na central de visitantes tem os onibus, que saem em intervalos regulares, e levam para o começo das trilhas.

Lá dentro você pode escolher entre vários passeios, trilhas, barco, e ecoaventura. Nós chegamos tarde, então fizemos apenas a trilha que leva à passarela da Garganta do Diabo, a maior e mais deslumbrante das quedas. O passeio pelha trilha proporciona uma visão de diferentes ângulos das Cataratas, e existem mirantes, que permitem um olhar mais próximo de algumas das quedas. O vento estava tão forte que mesmo ainda longe das águas, acabamos molhados. Por isso, se não quiser se molhar, leve capa de chuva, ou adiquira uma no parque, custa R$5,00.

No final dessa trilha, que tem 1200m, encontramos a passarela que leva ao meio do rio, de frente com a grande queda. E o elevador panorâmico, que te leva acima da queda, de onde observamos toda a magnitude do complexo das Cataratas.

Todo o caminho é sinalizado, e o parque é todo estruturado, com vários banheiros, lanchonetes, restaurante e lojinhas.

Fique atento ao horário de fechamento do parque, o ônibus que leva de volta à portaria tem um último horário de embarque, se você perder, terá que descer todo o caminho a pé. Beba bastante água, use um calçado apropriado e roupas confortáveis, para aproveitar melhor o passeio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *